Jejum intermitente: melhor dieta?

Jejum intermitente  melhor estratégia  - Jejum intermitente: melhor dieta?

Na busca pelo emagrecimento, muitas “dietas milagrosas” têm surgido, sendo o jejum intermitente uma das mais badaladas no momento. Mas seria esse tipo de dieta uma boa opção para perda de peso?

Existem diversas formas de se fazer o jejum intermitente, que consiste na ideia de ficar longos períodos sem se alimentar. O grupo que apóia essa modalidade tem como base científica estudos em animas, que mostraram benefícios para a saúde com o jejum prolongado: melhora da resistência insulínica, ativação de vias anti-inflamatórias, entre outros. No entanto, estudos em humanos não demonstraram superioridade do jejum intermitente em relação a dietas tradicionais na perda de peso ou na melhora metabólica.

Sabe-se que o que realmente leva ao emagrecimento é um baixo consumo de calorias, independente da forma que seja realizada. O sucesso de uma dieta está na adesão e manutenção em longo prazo para que não haja reganho do peso.

Dessa forma, a estratégia do jejum intermitente pode realmente ajudar na perda de peso, uma vez que há redução da quantidade de calorias ingeridas. Porém a dificuldade de mantê-la por muito tempo é um fator limitante desse tipo de dieta. Algumas pessoas podem se beneficiar do jejum, dependendo do estilo de vida que tenham. O ideal é sempre procurar o médico Endocrinologista e Nutricionista para que possam encontrar o melhor caminho para perda e posterior manutenção do peso.

Dra. Lorena Reis
Endocrinologista
CRM-BA 23.446